Municípios inscritos no Mapa do Turismo podem emitir certificado digital

Já está disponível o certificado digital do Mapa do Turismo Brasileiro 2017-2019 para os 3.285 Municípios inscritos. O Ministério do Turismo (MTur) liberou a emissão do documento por meio do site. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) lembra que a certificação é uma maneira de comprovar que o Ente municipal integra a lista dos destinos brasileiros que trabalham o Turismo como política de desenvolvimento econômico e geração de empregos e renda. Ou seja, uma forma de valorizar o trabalho da gestão local.

Além disso, os que obtiverem o documento serão priorizados no repasse de investimentos federais destinados ao turismo. “Com a certificação, os Municípios terão duas vantagens: validar a responsabilidade com o turismo no âmbito federal e local e conseguir rapidez no acesso a recursos destinados pelo MTur, pois terão em mãos uma comprovação de engajamento com o setor”, explica o secretário nacional de Estruturação do ministério, Totó Parente.

O MTur informa que, para emitir e imprimir o certificado, basta acessar o site do Mapa do Turismo, selecionar os campos Macrorregião, UF, Região Turística e Município e, em seguida, clicar em “pesquisar” e aguardar o resultado destacado com a cor azul. Daí, é só clicar no destino selecionado e escolher a opção “emitir certificado”.

Ferramenta
Instrumento instituído no âmbito do Programa de Regionalização do Turismo, o Mapa do Turismo orienta o desenvolvimento das políticas públicas pelo MTur. Com a lista, a pasta define o recorte territorial a ser trabalhado prioritariamente, incluindo ações de infraestrutura turística, qualificação profissional e promoção dos destinos, observando características peculiares de demanda e vocação turística de cada Município.

As mais de 3 mil cidades que o compõem atualmente foram indicadas por órgãos estaduais de turismo em conjunto com as instâncias de governança regional, a partir de critérios construídos em conjunto com o Ministério. A próxima atualização do Mapa está prevista para 2019, podendo retirar e incluir novos Municípios, a depender dos critérios estipulados por legislação vigente.

Foto: MTur
Da Agência CNM de Notícias com informações do Ministério do Turismo