Paraná vai promover maior evento de turismo termal do mundo

O Governo do Paraná vai liderar o processo de promoção da Feira Internacional de Turismo Termal, Saúde e Bem Estar (Termatalia 2018) entre os Estados brasileiros. Foto: Jonas de Oliveira/Vice-Governadoria
O Governo do Paraná vai liderar o processo de promoção da Feira Internacional de Turismo Termal, Saúde e Bem Estar. A Feira, a mais importante do mundo no setor, ocorrerá em setembro de 2018 em Foz do Iguaçu e deve reunir profissionais de 40 países.

O Governo do Paraná vai liderar o processo de promoção da Feira Internacional de Turismo Termal, Saúde e Bem Estar (Termatalia 2018) entre os Estados brasileiros. A Feira, considerada a mais importante do mundo no setor, ocorrerá em setembro do ano que vem em Foz do Iguaçu e deve reunir mais de três mil profissionais de cerca de 40 países.

A montagem, a programação e os detalhes do funcionamento do evento foram discutidos nesta quarta-feira (29) em Foz do Iguaçu durante reunião entre a vice-governadora Cida Borghetti; o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, Luiz Fernando Vianna; o secretário municipal de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla; e os representantes da Termatalia, os espanhóis Alejandro Rubin e Emma González.

“O Paraná vai auxiliar na divulgação entre os Estados para atrair novos participantes. A Termatalia irá movimentar a economia da região e estimular novos negócios. Foz do Iguaçu tem todas as condições de se consolidar como um dos principais destinos de águas termais do mundo”, afirmou a vice-governadora.

Cida Borghetti também destacou o bom ambiente econômico do Estado do Paraná e a infraestrutura hoteleira de Foz do Iguaçu para receber o evento. “O Paraná e Foz do Iguaçu estão preparados para receber a Termatalia”, disse.

A vice-governadora foi uma das principais defensoras da candidatura de Foz do Iguaçu a sediar a Feira. A cidade paranaense disputou com a Colômbia. No fim de 2015, Cida Borghetti recebeu em seu gabinete o governador da província espanhola de Ourense, Manuel Baltar, para tratar do assunto e recentemente esteve na Galícia para receber as “chaves” da Feira de 2018.

MERCOSUL – De acordo com Alejandro Rubin, a escolha do Paraná e de Foz do Iguaçu foi estratégica para atrair também participantes do Mercosul. “Costumo repetir que a Termatalia é ´três países e um destino´. Estou animado de que realizaremos no Paraná o melhor evento da história”.

O evento é considerado o mais importante do setor no mundo e deve reunir no Paraná mais de três mil profissionais de turismo de cerca de 40 países. A Organização Mundial do Turismo aponta que o segmento de turismo de saúde e bem-estar deve crescer 9% nos próximos cinco anos, o dobro do turismo convencional.

OUTROS – Além da Feira, Foz do Iguaçu sediará também o Fórum Água e Termalismo em parceria com a Universidade de Vigo; o Concurso Mundial de Águas Minerais e o Capítulo Extraordinário da milenar Ordem do Caminho de Santiago de Compostela.

A Feira, considerada a mais importante do mundo no setor, ocorrerá em setembro do ano que vem em Foz do Iguaçu e deve reunir mais de 3 mil profissionais de cerca de 40 países. Foz do Iguaçu, 29/11/2017. Foto: Jonas de Oliveira/Vice-Governadoria

Também participaram da reunião o assistente do diretor-geral da Itaipu Binacional, Alexandre Teixeira; e o vice-presidente da Organização Mundial de Termalismo, Fabio Lazzerini.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br